Sinais gráficos ou diacríticos

A acentuação gráfica consiste na aplicação de certos sinais escritos sobre ou sob determinadas letras, geralmente para lhes dar um valor fonético especial e permitir a correta pronúncia das palavras. Entre estes sinais estão os diversos acentos gráficos ou diacríticos, tais como:


SINAIS GRÁFICOS OU DIACRÍTICOS

  • Acento grave ( ` ) – utilizado para indicar a crase. Ex.: Cláudia foi à biblioteca. a (preposição) + a (artigo) = à;    
  • Acento agudo ( ´ ) - colocado sobre as letras a, i, u e sobre o e do grupo em, indica que essas letras representam as vogais tónicas / tônicas da palavra: carcará, caí, armazém. Sobre as letras e e o, indica, além de tonicidade, timbre aberto: lépido, céu, léxico; 
  • Acento circunflexo ( ^ ) - colocado sobre as letras a, e e o, indica, além de tonicidade, timbre fechado: lâmpada, pêssego, supôs, Atlântico;    
  • Til ( ~ ) – usado sobre as letras A e O, para indicar nasalização dessas vogais. Ex.: pão, põe, alemã, órgão, portão, expõe, corações, ímã;    
  • Cedilha ( ç ) – usada sob a letra c, antes de a, o e u na representação do som /se/. Ex.: maçã, Açu etc. 
  • Trema ( ¨ ) - é aplicado em palavras estrangeiras. Exemplos: Müller, mülleriano (abolido pelo Novo Acordo Ortográfico, exceto nas palavras estrangeiras);    
  • Apóstrofo ( ' ) – Indica a supressão de uma vogal. Pode existir em palavras compostas, expressões e poesias. Exemplos: caixa-d'água, pau-d'água, etc. Usado para indicar a supressão de um fonema (geralmente de uma vogal). Ex.: mãe-d’água. Pau-d’alho, pingo d’ouro etc.;  
  • Hífen ( - ) "O hífen é um sinal de pontuação usado para ligar os elementos de palavras compostas (couve‐flor; ex‐presidente) e para unir pronomes átonos a verbos (ofereceram‐me; vê‐lo‐ei). Serve igualmente para fazer a translineação de palavras, isto é, no fim de uma linha, separar uma palavra em duas partes (ca‐/-sa; compa‐/-nheiro)" (WikipédiaAcessado em 01 de novembro de 2011.). O hífen também é usado para separar sílabas de palavras (ca-si-nha, me-lan-có-li-co).

0 comentários:

Postar um comentário