Regras básicas de acentuação gráfica

PROPAROXÍTONAS
  • Acentuam-se todas as palavras proparoxítonas. Ex.: gico, anpoda, cânfora, mpada, rempago, Atlântico, trôpego, piter, cido, ótimo, víssemos, flácido.
PAROXÍTONAS
Acentuam-se as palavras paroxítonas terminadas em:
  • ã (s), ão (s). Ex.: ímã, órfã, ímãs, órfãs, bênção, órgão, órfãos, tãos;
  • ei (s), en. Ex.: nei(s), fen;
  • i (s). Ex.: ri, pis,xi, beriri, pis, grátis, ri;
  • om, ons. Ex.: iândom, íons, nêutron, prótons;
  • u(s), um, uns. Ex.: nus, álbum (uns);
  • ditongo oral (crescente ou decrescente) seguido ou não de s. Ex.: rie(s), água, árduo, nei / nei, ries, goas, quei, queis;
  • ps. Ex.: ceps, ceps, fórceps, Quéops;
  • consoantes da palavra RouXiNoL. Ex.: éter,tex, próton, cônsul, incrível, útil, ágil, cil, avel, éden, fen, len, éter, mártir, cater, revólver, destróier, rax, ónix / ônix, nix / nix.
Não se acentuam:
  • palavras paroxítonas terminados com em, ens. Ex.: nuvem, jovem, homens, itens;
  • os prefixos paroxítonos terminados em i e r. Ex.: anti, semi, super, inter. Os prefixos são morfemas que participam da formação de outras palavras.
OXÍTONAS
  • Acentuam-se as palavras oxítonas terminadas em a (s), e (s), o (s), mesmo quando seguidos de lo (s) e la (s). Ex.: (s), ca(s), ji(s); can-la(s), fa-la(s), -lo(s). Os pronomes lo, la, não fazem parte da palavra, somente complementam, por isso não são contados para efeito de sílaba tônica; o que vale é a regra: acentuam-se oxítonas terminadas em a, e, o, as, es, os.
  • Acentuam-se as oxítonas terminadas por em, ens (com duas ou mais sílabas). Ex.: armazém, ninguém, parabéns, reféns. É importante observar a diferença de oxítonas e monossílabos. Essas regras valem apenas para oxítonas.
  • Não se acentuam as oxítonas terminadas em u (s) ou i (s), quando não formam hiato: Ex.1: caju, bambu, tupi; reduzi-la, consegui-lo. Ex.2: açaí (a-ça-í), atraí-lo (a-tra-í-lo).
DITONGOS
  • Acentuam-se as palavras paroxítonas terminadas em ditongo. Ex.: rie, gua, nue, nei, quei, órgão, tão;
  • Ditongos orais ei, oi, eu;
  • Acentuam-se apenas os ditongos de pronúncia aberta (éi, ói, éu), quando oxítonosoumonossílabos, seguidos ou não de s. Ex.1: réis, dói, céu (monossílabos); Ex.2: anéis, herói, fogaréu (oxítonos). Os ditongos fechados permanecem não acentuados.
  • Não acentuam-se os ditongos abertos quando tônicos, formando vocábulos paroxítonos. Ex.: ideia (i-dei-a), estreia (es-trei-a), heroico, paranoico, etc.
HIATOS
Não se acentuam mais:
  • O hiato oo(s) no final das palavras. Ex.: voo(s), perdoo, abençoo. Obs.: ál-co-ol e al-co-ó-li-co são proparoxítonas e o vocábulo oo não estão no final da palavra;
  • O hiato ee nas formas plurais dos verbos CRÊDÊLÊVÊ (crer, dar, ler e ver). Ex.: Ele crê / eles creem; ele / eles deem; ele / eles veem; ele / eles leem. Obs.: os verbos TER e VIR recebem acento circunflexo na 3ª pessoa do plural do presente do indicativo. Ex.: ele tem/vem (singular), eles têm/vêm (plural).
  • Suas formas derivadas (entreter, conter, intervir, desavir, etc.) recebem acento agudo na 3ª pessoa do singular e acento circunflexo na 3ª pessoa do plural do presente do indicativo. Ex.: ele contém/intervém (singular, eles contêm/intervêm).
  • Acentuam-se as vogais i e u tônicas dos hiatos, quando aparecerem sozinhas na sílaba ou acompanhadas pela letra s. Ex.: saída, país, saúde, baús. Não se acentuam, portanto, palavras como: ruim, amendoim, juiz, fluir, Pium, etc (o i e o u não estão sozinhos ou seguidos de s).
  • Não se acentuam as vogais i e u dos hiatos, quando seguidas do dígrafo nh. Ex.: Ra-i-nha, cam-pa-i-nha, etc.
  • Não se acentua as vogais i e u dos hiatos, quando precedidas de vogal idêntica. Ex.: xi-i-ta, co-rai-xi-i-ta, Pa-ra-cu-u-ba, etc.
  • Mas cuidado com as formas: fri-ís-si-mo (superlativas), e-qui-mi-í-deos; sil-vi-í-deos (paroxítonas com ditongo). São proparoxítonas (antepenúltima sílaba tônica), todas são acentuadas).
  • O novo Acordo Ortográfico aboliu o acento das vogais i e u tônicas isoladas na sílaba, formando vocábulos paroxítonos, quando precedidas de ditongo. Ex.: fei-u-ra, bai-u-ca, bo-cai-u-va, tec (não são hiatos – duas vogais separadas). Mas, permanecem acentuadas as suas ocorrências que formam vocábulos oxítonos. Ex.: tui-ui-ú, PI-au-í etc.

0 comentários:

Postar um comentário