Pronomes possessivos e indefinidos

Pronomes possessivos
Pronomes possessivos são palavras que, ao indicarem a pessoa gramatical (possuidor), acrescentam a ele a ideia de posse de algo (coisa possuída). O pronome possessivo concorda em pessoa com o possuidor e em gênero e número com a coisa possuída. Veja o quadro geral dos pronomes possessivos:

 www.gramaticaparaconcursos.com


Emprego dos pronomes possessivos
  • Há casos em que o possessivo seu (e variações) pode gerar ambiguidade.
    • Ex.: O pai repreendeu a filha porque ela bateu o seu carro. (o carro dele ou dela?)
  • A ideia de posse é, muitas vezes, representada pelos pronomes oblíquos me, te, se, nos, vos, lhe (s).
    • Ex.: 
      • Roubaram-me o relógio. (... o meu relógio)
      • Bateram-lhe na cabeça. (... na cabeça dele)
  • Os possessivos podem sugerir ideia de aproximação, ironia, afetividade ou cortesia.
    • Ex.: 
      • ele deve ter seus noventa anos. (aproximação)
      • Obedeça-me, seu imprestável! (desprezo, ordem)
      • Minha querida, que horas são? (afetividade)
      • Meu caro amigo, que bom vê-lo! (cordialidade)
  • Uniformidade de tratamento - Deve-se utilizar a forma pronominal na frase inteira. Nuca se deve misturar 2ª e 3ª pessoas. A 1ª pessoa é soberana, por isso pode ser misturada com qualquer pessoa.
    • Ex.: Você reouve teus objetos perdidos? (gramaticalmente incorreto! Você é pronome de 3ª pessoa e teus é pronome de 2ª pessoa)
      • Você reouve seus... (gramaticalmente correto! Você e seus são pronomes de 3ª pessoa)
      • Tu reouveste teus... (gramaticalmente correto! Tu e teus são pronomes na 2ª pessoa)

Pronomes indefinidos
Pronomes indefinidos referem-se à terceira pessoa do discurso, dando-lhe sentido vago ou expressando quantidade indeterminada. Veja o quadro geral dos pronomes indefinidos:

Locuções pronominais indefinidas
São grupos de palavras que equivalem a pronomes indefinidos. São locuções pronominais indefinidas: Cada qual, cada um, qualquer um, quantos quer (que), quem quer (que), seja quem for, seja qual for, todo aquele (que), tal qual (= certo), tal e qual, tal ou qual, um ou outro, uma ou outra, etc.
  • Ex.:
    • Cada um de nós deverá fazer a sua parte para salvar o mundo.  
Emprego dos pronomes indefinidos
  • Todo, toda, todos, todas + artigo:
    • Ex.: 
      • Todo carro tem seus defeitos. (qualquer; generalidade)
      • Todo o carro tem seus defeitos. (este, inteiro; determinado carro)
  •  Valor semântico e posição na frase.
    • Ex.:
      • Alguma lembrança restou daquele amor. (anteposto -valor afirmativo)
      • Lembrança alguma restou daquele amor. (posposto - valor negativo = nenhum)
      • Certas pessoas... (anteposto = algumas)
      • Pessoas certas... (posposto = exatas, corretas)
      • Qualquer pessoa... (valor indefinido)
      • Pessoa qualquer... (valor pejorativo)

0 comentários:

Postar um comentário