Preposições

Preposição é uma palavra invariável que liga dois termos, subordinando o segundo ao primeiro, ou seja, o regido ao regente.  
  • Ex.: 
    • Os alunos estão aptos para estudar.
    • Nós assistimos ao filmem. 

Observe: A preposição “para” liga o termo “aptos” ao termo “estudar”. O termo que antecede a preposição (aptos) é o termo subordinante denominado regente e o termo que a sucede (estudar), o subordinado, é denominado regido. Já no segundo exemplo, (quem assiste assiste a), o verbo "assistir" é o termo regente (o subordinante), rege a preposição -a, o termo regido é "filme", termo regido (subordinado).

CLASSIFICAÇÃO
As preposições são classificadas em essenciais e acidentais:
  • Essenciais – são aquelas que atuam sempre como preposição. Ex.: a, ante, até, após, com, contra, de, desde, em, entre, para, per, perante, por, sem, sob, sobre, trás. 
  • Acidentais – são aquelas que atuam como preposição ou como outra classe gramatical. Ex.: consoante, conforme, durante, exceto, afora, menos, salvo como, que, etc.
        Exemplos:
    • Agimos conforme a atitude delas.
    • Conversamos muito durante a refeição.
    • Obtiveram como resposta um bilhete.
    • Ela terá que fazer o trabalho.
    • Conversamos pouco durante o jantar.
LOCUÇÃO PREPOSITIVA
É o conjunto de dois ou mais vocábulos com valor de preposição. Ex.: de acordo com, de encontro a, a fim de, etc.

AS FORMAS COMBINADAS E CONTRAÍDAS
  • COMBINAÇÃO - É a junção de algumas preposições com outras palavras, de outras classes gramaticais. Na combinação não há perda de letras. Exemplos:
    • ao (preposição a + artigo definido o)
    • aonde ( preposição a + advérbio onde) 
  • CONTRAÇÃO - É a junção de algumas preposições com termos de outras classes de palavras, tais como artigo, pronome, advérbio. Na contração a preposição sofre redução, ou seja, há perda de letras. Exemplos: 
    • do (preposição de + artigo definido o);
    • neste (preposição em + pronome demonstrativo este);
    • à (preposição a + artigo definido a);
    • desta (preposição de + pronome demonstrativo esta); 
    • duma (preposição de + artigo indefinido uma);
    • no (preposição em + artigo definido o);
    • daqui (preposição de + advérbio de lugar aqui).
Observação: “Não se deve contrair a preposição "de" com o artigo que inicia o sujeito de um verbo, nem com o pronome "ele(s)", "ela(s)", quando estes funcionarem como sujeito de um verbo. Por exemplo, a frase "Isso não depende do professor querer" está errada, pois professor funciona como sujeito do verbo querer. Portanto a frase deve ser "Isso não depende de o professor querer" ou "Isso não depende de ele querer" “(Wikipédia)¹.
 Preposições

PRINCIPAIS RELAÇÕES SEMÂNTICAS
  • Autoria – música de Djavan; tela de Renoir
  • Lugar – ver de perto; estar sob a mesa
  • Destino – ir a Brasília; ir à Bahia
  • Instrumento – escrever a lápis; ferir-se com a faca
  • Finalidade – estudar para passar; vir em socorro
  • Conteúdo – copo com água
  • Preço – livro de dez reais
  • Origem – descender de família humilde
 Imagem: http://www.atividadesedesenhos.com/2012/06/preposicao-exercicios-atividades-para.html

0 comentários:

Postar um comentário