Dicas de Leitura 02.10.2015

1.VÍDEOS: Três passos para turbinar a redação no Enem em até 600 pontos. A redação do Enem é avaliada com base em cinco critérios e cada um vale 200 pontos. Nos três vídeos citados, você aprenderá como “turbinar” o seu texto para obter a nota mil em pelo menos três desses itens.
2.Saiba evitar sete erros que podem anular a redação do Enem. Em 2014, só 250 pessoas tiraram nota 1.000 na redação do Enem, porém, mais de 500 mil pessoas tiraram nota zero. Por isso, você deve ter em conta tudo o que pode te prejudicar na hora da avaliação. Você perderá muitos pontos, ou terá até mesmo a redação anulada, se fizer coisas como:...
3.[Infográfico] Concurso chegando? Veja 7 opções de como estudar nas semanasantes da prova (eu deixei a melhor dica para o final)! Carol Alvarenga compartilha com você, nesse artigo, algumas super dicas para você aproveitar ao máximo as semanas antes da prova e chegar no concurso com a certeza de que, no mínimo, você está o mais preparado possível considerando o tempo que tinha para estudar. Essas opções valem também para o Enem.
4. 7Vídeos para quem quer aprender mais rápido (e melhor). Quem é que não deseja assimilar o conhecimento mais rápido, turbinar o poder de concentração e aumentar a capacidade de memorização? Esses são alguns dos desejos de grande parte dos estudantes. Veja o que os especialistas dizem sobre estes e outros temas ligados à aprendizagem nos vídeos de carreira, a seguir:
5.5 jogos online para se preparar para o Enem. Jogos online com assuntos voltados para vestibulandos fazem cada vez mais sucesso entre os estudantes. Com eles, é possível revisar conteúdos com entretenimento. conheça 5 os jogos online para se preparar para o Enem: Enem Wars, Jogo da Cabanagem, Livro e Game, Presidentes do Brasil, Independência do Brasil.

10 dicas que os estudantes nota mil na redação do Enem 2014 nos ensinam para alcançar a nota máxima

Apenas 250 entre 6,2 milhões (0,004%) conseguiram nota máxima na redação do Enem, em 2014. Quais são os segredos desses estudantes? Neste post vamos falar sobre esses segredos, os segredos da redação nota mil. São relatos de estudantes que conseguiram tirar a nota máxima na redação do Enem 2014, conforme publicado pelo Portal G1. Se você está se preparando para o Enem, leia este post até o fim para descobrir como você também pode conseguir nota mil. Acredite, não é muito difícil, basta um pouquinho de esforço!

1. Conheça as regras do Enem
Esta é a dica de Vitória Garcia e Souza, 17 anos, uma dos 250 alunos nota mil na redação do Enem 2014.

"Eu estava habituada a exercitar a redação, aprendi a obedecer às cinco competências e agradar aos corretores. Toda semana fazia uma redação sem nenhuma fonte de consulta, só recebia o tema e escrevia, porque é assim no Enem. Não dá para pesquisar, tem que saber o tema, argumentar, criar um conflito e solucioná-lo." (Vitória Garcia e Souza)

O estudante deve desenvolver um texto dissertativo-argumentativo, com no mínimo 8 e no máximo 30 linhas. Neste formato de texto o estudante deve expor seus argumentos, de forma coerente, apresentando ao final uma proposta para solução do tema proposto.

Ao contrário do que muitos pensam o título na redação do Enem não é obrigatório, ficando a critério do candidato.

O candidato não poderá copiar em seu texto trechos dos Textos de Apoio, que servem de motivação par o desenvolvimento da redação.

De acordo com as Regras da Redação Enem, o texto será corrigido sendo observadas as cinco competências abaixo:

  • Competência 1: demonstrar domínio da norma padrão da língua escrita.
  • Competência 2: demonstrar compreensão da proposta da redação e aplicar conceitos de diversas áreas do conhecimento para desenvolver o tema.
  • Competência 3: demonstrar capacidade de selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações para defender um ponto de vista.
  • Competência 4: demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.
  • Competência 5: elaborar uma proposta de intervenção ao problema abordado, respeitando os direitos humanos.
Cada competência tem o peso de 200 pontos. Por isso a redação vale 1.000 pontos.
Receberá nota zero na redação do Enem o candidato que fugir do tema, desconsiderar a estrutura dissertativo-argumentativa (escrever um texto narrativo ou uma poesia, por exemplo), escrever sete linhas ou menos, desrespeitar os direitos humanos, ou, é claro, deixar a folha de redação em branco.

2. Crie o hábito da leitura 
Nessa série de dicas para a conquista da nota mil na redação do Enem quero trazer aqui várias citações de estudantes que conseguiram realizar essa façanha. Então vamos lá...

"Importante é ler bastante e escrever para adq1uirir o hábito e ter um bom vocabulário. A leitura é fundamental para um bom texto." (Luis Athur Haddad)

"Acredito que a leitura foi o diferencial." (André Diniz)

"Para ter uma boa nota, eu diria que é preciso ler tudo que foi possível: jornais, livros. Isso para se acostumar a costurar as ideias, e não só lançá-las separadamente no texto..." (Giovana  Segat)

"A dica para ir bem na redação é ler bastante sobre tudo e não somente atualidades..." (Lucas Francisco)

"Ler ajuda muito a ter um vocabulário mais completo. Você percebe dicas de como escrever e é importante também ler o texto que está escrevendo." (Victoria Maria Luz)


Para alcançar a nota máxima na sua redação é preciso estar bem informado e atualizado não somente sobre os fatos, mas também sobre a ciência, as evoluções no campo da saúde, pesquisas e meio ambiente etc. É preciso se situar no mundo em todos os aspectos.

Quem lê com frequência, também, têm um repertório de vocábulos muito mais avançado do que aqueles que não possuem esse hábito e por isso podem selecionar o melhor termo para manifestar no papel as suas ideias.

3. Mantenha uma atitude mental positiva
Lucas Santos Barbosa, de Maceió, reprovou em 10 vestibulares. Em 2014 ele resolveu se preparar para o Enem e conseguiu a nota mil na redação. Segundo ele, 

"Tem que ter autoconfiança. No ano passado, eu coloquei dentro de mim que iria passar e estou esperando ser aprovado na Universidade Federal de Alagoas".

O QUE É A ATITUDE MENTAL POSITIVA?

"Não se trata certamente de ignorar a realidade dos fatos, nem tão pouco afirmar que tudo irá acabar por dar certo ou correr bem, ou que afinal aquilo que aconteceu não é assim tão terrível (quando na realidade é). Não se trata de transformar algo ruim em muito bom, não se trata de encarar tudo com um sorriso nos lábios, ou simplesmente dizer que melhores dias virão (ainda que isto possa acontecer). Não se trata de fingir, não se trata de fingir aceitar uma situação terrível através de afirmações positivas, não, não, não."

"A atitude mental positiva é realmente sobre o reforço da crença de que você pode decidir como reagir a determinadas situações difíceis em prol de si mesmo. Nunca é sobre mentir para si mesmo, é tudo sobre capacitar-se. Como todas as grandes realizações na vida, há sempre um primeiro passo. Sem esse primeiro passo fundamental, nada mais pode ocorrer. Estou a falar aqui da sua atitude face a algo, algo que quer melhor, algo que está a enfrentar, algo que quer conquistar, algo que receia. A crença de que você pode, ou não pode vai influenciar tudo o que se segue." ( Miguel Lucas)

4. Debates sobre temas relevantes
Debater os grandes temas da atualidade, que possivelmente serão cobrados pelo Enem, é um ótimo ingrediente como preparo para a prova de redação do Enem. Os alunos que conseguem a nota máxima revelam que isso é uma prática comum durante seus estudos, como afirma Victoria Maria Luz, de Piauí: 

"Também tive um acompanhamento escolar muito intenso com oficina para produção de textos onde discutimos diversos tema e depois produzíamos textos."

5. Conheça as técnicas para escrever um texto dissertativo
Conhecer as técnicas para escrever um texto dissertativo significa possuir domínio do texto dissertativo-argumentativo, com proposição, argumentação e conclusão. É conhecer a estrutura da dissertação, como iniciar a introdução, o desenvolvimento e a conclusão e como trabalhar a progressão textual através do uso correto dos conectivos e, tudo isso depois de planejar a sua redação.

Maria Eduarda disse que decidiu investir em um curso preparatório e na técnica passada pelos professores para alcançar o seu objetivo. Veja o que outros estudantes que tiveram nota mil na redação disseram:

"Há dois anos que não fazia redação e nem me exercitei muito. Quando vi o tema fiquei com preguiça na hora e decidi usar as técnicas que já tinha aprendido." (João Pedro Maciel Schlaepfer)

"Foi um tema pouco trabalhado, mas quando você sabe a técnica, sabe que está preparado." (Dandara Costa)

6. Concilie estudo e lazer para evitar o estresse
Paula Freire diz que se dedicou aos estudos durante o ano, mas não abriu mão das horas de lazer para "não estressar". 

A tranquilidade de Luis Arthur Novais Haddad foi respaldada por uma preparação organizada, intensa e equilibrada. Segundo ele, tem que ter horário de estudos, mas também tem que relaxar, para não ter estresse. 

Veja algumas dicas que encontrei no site Doctor Pré-Vestibular. Elas servem para você saber como conciliar lazer x estudo:

Estabeleça horários de estudo e horários para o lazer: fazer um cronograma pode te ajudar a se organizar e cumprir melhor suas metas;

Evite "alongar" os períodos de lazer: o famoso "vou ficar fazendo isso só mais 20 minutinhos" pode se estender por horas;

Evite festas: elas te deixam extremamente cansado, e, para os que gostam de beber, com aquela ressaca desgraçada. E é impossível estudar de qualquer uma destas maneiras. Mas se você não vive sem uma baladinha, vá sim. Mas apenas com menos frequência, e tente ir embora mais cedo pra casa, e não abusar do álcool;

Não se sobrecarregue: não fique desesperado estudando manhã, tarde e noite e só parando pra tomar banho e dormir. Tenha um tempo de pausa. É importante tanto para seu cérebro poder ter tempo de processar o conteúdo estudado, quanto para você não se estressar.

Tenha seu lazer: reserve sempre um horário do dia, ou alguns horários durante a semana, para o que te dá prazer. Apenas cuide para não ser um tempo muito grande, ou para que isso não atrapalhe seus estudos.

Se não conseguir, saiba equilibrar: algumas pessoas simplesmente não conseguem deixar de lado suas atividades prazerosas, mesmo por um tempo, e isso acaba diminuindo seu rendimento na hora de estudar. Se você funciona assim, pode continuar tendo seu lazer, apenas cuide para não exagerar e querer, por exemplo, ir em balada todo dia.

7. Escreva e reescreva muitas redações
Treinar redação é a melhor forma de aprender as técnicas da escrita do texto dissertativo. Esta é uma prática constante entre os estudantes que obtêm a nota máxima na redação do Enem. Deve-se escrever uma redação por semana, se possível, uma por dia, porém, sem qualquer tipo de pesquisa prévia. O ideal é seguir as propostas disponibilizadas semanalmente por sites especializados no assunto, como fazia Vitória Garcia e Souza, de Rio Branco. Giovana Segat, outra aluna nota mil, acredita que a receita para o sucesso na redação é o treinamento. Veja outros depoimentos:
  
 "Eu fiz muita redação porque sei que quem treina mais sempre escreve melhor..." (Paula Freire) 

"A cada semana, fazia no mínimo duas redações, corrigia e via os problemas". ( Luis Arthur Novais Haddad)

"Após os debates em sala de aula partimos para a prática, depois os professores corrigem e devolvem aos estudantes para que o texto seja reescrito, assim o treinamento passou a ser constante." (Victória Maria Luz)

"Fiz cursinho por dois anos, e tentava fazer pelo menos uma redação por semana..." ( Andréia Lira)

"... o "segredo" da nota máxima é escrever muitas redações e acompanhar a explicação de corretores." (Vanessa Feijó)

"...quando você começa a fazer muita redação, com frequência, você cria uma prática e desenvolve melhor qualquer tema proposto." (Antônio Ivan Monteiro Júnior)

"Eu, muitas vezes, chegava a escrever três redações em um só dia". Antônio Ivan Monteiro Júnior)

8. Invista em um curso de redação
Maria Eduarda disse que decidiu investir em um curso preparatório e na técnica passada pelos professores para alcançar seu objetivo.Luis Arthur Novais Haddad tinha aulas de redação no Colégio onde estudava, em Juiz de Fora, no entanto, como ele afirma, fez curso de redação por fora.

Vanessa Feijó disse que em 2014 treinou muito redação no laboratório do cursinho mas não esperava tirar mil de jeito nenhum, estava até nervosa...

Giovana Segat diz que durante os meses de 2014 ela redigia textos dissertativos toda semana que sempre eram corrigidos no cursinho preparatório.

Em um curso de redação você irá
  • rever e treinar redação sob a supervisão de um professor;
  • melhorar seu desempenho em uma parte específica da redação;
  • aprender como:
  1. construir um título, 
  2. escrever uma introdução,
  3. escrever o desenvolvimento,
  4.  escrever a conclusão,
  5. escrever um texto coeso e coerente, etc.
9. Use boas citações na sua redação
As citações valoriza bastante a sua redação, mas desde que ela seja algo natural, bem articulada com o texto. 

"A citação nada mais é do que eu usar as palavras de outra pessoa. É uma estratégia interessante. Imagine levar o apoio de Jesus Cristo, Sócrates, presidentes da república, pensadores, filósofos e artistas consagrados para o seu texto? A citação faz mais ou menos isso.

Existem dois tipos de citações que você deve saber: a direta e a indireta." (Blog do Gramaticando)

O sergipano Lucas Almeida Francisco, 17 anos, surpreso com o excelente desempenho, acredita que o hábito de escrever e ler e a citação do sociólogo Pierre Félix Bourdieu e do filósofo Michel Foucault, para fundamentar a argumentação, foram decisivos para o resultado.

“Uma frase do teórico Pierre Bourdieu, sobre a influência da mídia, foi a segurança do bom desempenho na minha redação. (...) Ela foi a cereja do bolo”. (Lorena Barreto Araújo, de 19 anos)

10. Peça para um especialista corrigir a sua redação
O décimo segredo da redação nota mil é um dos mais importantes junto com o treinamento de redação. Não é possível treinar redação sem ter alguém para corrigi-las e mostrar os erros cometidos, o que você fez e o que deixou de fazer, onde você precisa melhorar, etc. 

Se a correção for bem feita, completa, você nem vai precisar fazer um curso de redação, pois, o próprio corretor já passa todas as dicas necessárias para o seu texto dissertativo ficar perfeito.

Os estudantes que conseguem nota mil na redação do Enem sempre tem seus textos corrigidos por especialistas em redação, veja o que alguns dizem:

"Eu fiz muita redação porque sei que quem treina mais sempre escreve melhor. Fazia e pedia para os professores corrigirem os erros". (Paula Freire)

"Eu tinha redação no colégio, no entanto, também fiz curso de redação por fora. A cada semana, fazia no mínimo duas redações, corrigia e via os problemas”. (Luis Arthur Novais Haddad)

"Após os debates em sala de aula partimos para a prática, depois os professores corrigem e devolvem aos estudantes para que o texto seja reescrito, assim o treinamento passou a ser constante". (Victoria Maria Luz)

"Durante os meses de 2014, ela redigiu textos semanais que sempre eram corrigidos no cursinho preparatório". (Giovana Segat)

Certamente que o Enem não é uma prova fácil. Com seus dois dias de provas, com 180 questões, mais a redação, o exame é quase uma maratona. O ideal é seguir o exemplo desses alunos nota mil e começar a se preparar para o Enem desde o começo do ano. Assim, quando chegar o dia do exame você estará afiado e realizará a prova com a máxima tranquilidade.

[INFOGRÁFICO] - O que você aprendeu ontem?

Segredos do Enem é um Método Para Aumentar a Performance nos Estudos. O foco é a prova do Enem, que conta com mais de 5 milhões de participantes.
 
Baseado em 9 módulos o curso é diferente de tudo que já foi visto sobre métodos de estudo, com conteúdo de primeira focado no Enem.

Com este curso você consegue aumentar a sua capacidade de aprender em mais de 9 vezes.


http://segredosdoenem.com.br/wp-content/uploads/2014/07/SDE-Page-de-vendas-1.png http://hotmart.net.br/show.html?a=e3078034O&ap=c721

Como estudar redação para o Enem

Em 2014, de um total de 6,19 milhões de candidatos que participaram do Exame Nacional do Ensino Médio, apenas 250 receberam a nota máxima na redação, ou seja, nota 1000. Esses 250 estudantes fazem parte do seleto grupo dos que conheciam os segredos da redação nota mil. 


A fórmula da redação nota mil é simples:
R = C + F
Redação = Conteúdo + Forma


De acordo com balanço divulgado pelo Ministério da Educação, 55,7% dos candidatos receberam até 500 pontos - metade da nota máxima. Já o número de pessoas que zeraram na redação foi 529.374. Apenas 1% de 6,19 milhões tiraram acima de 900 pontos.

Esses dados mostram que a prova de redação realmente é muito importante para o Enem. Alcançar a nota  mil na redação não é algo impossível, a não ser para aqueles que não se preparam, que não estudam seguindo uma metodologia com foco e determinação. 


Neste artigo vamos mostrar como você deve estudar corretamente para atingir a nota máxima na redação do Enem.


Logo, para estudar de forma adequada para alcançar a nota 1.000 no Enem você deve treinar conteúdo e forma. A seguir vamos detalhar como você vai fazer isso, o que deve priorizar nos seus estudos a fim de alcançar um ótimo resultado na sua produção textual.

1. Como treinar conteúdo? 

Treina-se conteúdo fazendo inúmeras leituras ao longo do ano. A leitura de jornais, revistas e dos principais portais de notícias na internet é fundamental para você se preparar para a redação do Enem, pois são de grande ajuda no treino de vocabulário e na busca dos principais assuntos que estão em evidência na atualidade. Para argumentar de forma crítica é imprescindível que você seja um leitor.


Outra forma de estudar conteúdo, muito indicada pelos professores de cursinhos é ler redações dos Enems anteriores.  

Nas redações boas, as que conseguiram 1000 pontos, você vai desconstruir o texto dissertativo, ou seja, destacar todos os elementos que compõe a dissertação: o tema, a tese, o desenvolvimento da tese, a proposta de intervenção, os conectivos, etc. Observe com cada um deles são construídos no texto.

Nas redações com menos de 900 pontos, procure identificar por que elas não tiveram 1000 pontos: Se falta uma tese, se falta uma proposta de intervenção ou o detalhamento dessa proposta, se há erros gramaticais, se o autor fugiu ao tema, etc. 

Um exercício interessante é você, após identificar o erro de uma redação, reescrevê-la, tornando-a uma redação nota mil e procure um professor para fazer a correção e mostrar todos os detalhes: erros e acertos. Isso é um dos segredos da redação nota mil.


Por fim, você deve estudar os grandes eixos temáticos, tais como, comunicação, política, questões sociais, comportamento, cultura, etc. Os eixos temáticos são assuntos a partir dos quais você pode extrair vários temas que vão garantir diversos ingredientes para as suas redações.

É interessante ressaltar aqui que a maioria dos candidatos que alcançaram nota mil na redação do Enem faziam ou fizeram um curso de redação, seja ele online, presencial ou até mesmo através de um ebook.

2. Como treinar forma?

No treinamento de forma você pode começar estudando as regras gramaticais. Não tem nada mais feio do que errar ortografia, ou seja, por o x no lugar do ch, o s no lugar do z, o l no lugar do u, etc. Também é obrigatório saber as regras de concordância e regência, pontuação, etc.


Preocupe-se em saber tudo sobre a estrutura dissertativa. Você tem que conhecer cada uma das funções de cada um dos parágrafos e começar a escrever a redação dentro dos moldes exigidos pelo Enem. O texto dissertativo-argumentativo deve ter um início, um meio e um fim, ou seja, introdução, desenvolvimento e conclusão.

2.1. Introdução

Tem o papel de levar o leitor para dentro do texto (intro + dução). A introdução tem duas funções básica, a saber: a contextualização do tema e a apresentação de uma tese. A contextualização pode ser histórica, cultural e fotográfica. Já a tese pode ser formulada de forma sintética e analítica.

2.2. Desenvolvimento

Deve ser essencialmente argumentativo. O texto argumentativo é o contrário do texto expositivo. O texto argumentativo é aquele que você vai usar argumentos para defender a sua tese. O texto expositivo é aquele que você descreve uma realidade a partir de fatos sem se posicionar em relação a ela. 

O desenvolvimento expõe progressiva e encadeadamente o tema, através de dados, fatos e informações que vão alimentar os argumentos usados para defender o ponto de vista do autor da dissertação. 

Você deve, no desenvolvimento, usando uma das diversas estratégias argumentativas, fundamentar as afirmações iniciais, procurando persuadir os leitores de que a tese apresentada realmente merece crédito. 

2.3. Conclusão

A conclusão precisa ter a ratificação da tese, confirmar, corroborar, reafirmar, aquilo que você colocou antes tem que aparecer de novo na conclusão, porém, com outras palavras, novas estruturas, mas mantendo a ideia central. 

Essa ratificação da tese deve vir acompanhada de propostas de intervenções, ou seja, você deve apresentar medidas que ajudem a solucionar o problema. Aqui, você deve usar agentes reais, aqueles que vão solucionar o problema: governo, ongs, mídia, indivíduos, família, escolas, etc.

Neste artigo eu apenas esbocei o que você deve priorizar no seu estudo de redação para o Enem. É óbvio que existem muito mais para se estudar sobre redação, mas isto é o básico, aquilo que você deve focar e estudar com afinco. 
 
Outrossim, como você pode observar, apenas expus os conceitos relacionados a estrutura do texto dissertativo, sem entrar em detalhes sobre o que é e como fazer. Isto é assunto para um outro post que estou preparando: Como fazer introdução, desenvolvimento e conclusão. 

7 passos simples que você deve seguir com afinco para alcançar a nota máxima na redação do Enem

Do total de 6,19 milhões de candidatos que participaram do Exame Nacional do Ensino Médio, Enem 2014, apenas 250 receberam a nota máxima na redação, ou seja, nota 1000. Esse pequeno grupo conhecia os segredos da redação nota mil.

De acordo com balanço divulgado pelo Ministério da Educação, 55,7% dos candidatos receberam até 500 pontos – metade da nota máxima. Já o número de pessoas que zeraram na redação foi 529.374.

Quais são os segredos para alcançar a nota máxima em uma redação do Enem? Como produzir uma redação nota 1000 depois de quatro provas de múltiplas escolhas, com 45 questões cada? Existe um método ou uma fórmula para se produzir uma excelente redação, nota mil?

Hoje eu vou te mostrar alguns passos simples que você pode seguir para chegar a tão sonhada nota mil na redação dissertativa argumentativa do Enem. Antes de tudo, entenda que a construção de uma boa redação é feita a partir de regras importantes que jamais devem ser ignoradas.

Confira abaixo sete passos simples que você deve seguir com afinco para alcançar a nota mil na redação do Enem.

Dicas #1: Domine a dissertação

Redação nota mil no EnemO primeiro grande segredo para você construir a redação nota mil é dominar a dissertação. Mesmo que você escreva um texto brilhante, se fugir da norma dissertativa a redação será anulada.

Dissertação significa "falar sobre". Na dissertação você vai expor ideias, revelar sua opinião sobre determinado assunto, seguido de argumentos comprobatórios. É um tipo de texto que permite explorar o tema proposto em dois ou três parágrafos. 

O primeiro parágrafo é a introdução. Na introdução você vai contextualizar a proposta do tema e vai sugerir uma abordagem para essa proposta que serão desenvolvidas nos próximos dois ou três parágrafos. 

Esses parágrafos são utilizados para explicar a sua tese, que será concluída no último parágrafo, a conclusão. A dissertação deve obedecer à extensão mínima indicada na proposta, geralmente de 25 a 30 linhas.

Por isso, é preciso praticar diariamente, se você quiser estar entre a minoria que consegue nota mil na redação do Enem. Uma boa dica é fazer um curso de redação, onde você vai aprender algumas técnicas que facilitam muito na hora de planejar e escrever a sua redação. A maioria dos estudantes que tiraram nota máxima declararam ter feito cursinhos focados principalmente na redação. Clique aqui para conhecer um curso que vai te ensinar todos os segredos da redação nota mil passo a passo.

Dica #2: Informe-se

A prova de redação do Exame Nacional do Ensino Médio explora temas de relevância nacional ligados ao universo juvenil, sobre o meio-ambiente ou sobre cidadania. É um grande fórum nacional de debates, com milhões de participantes, sobre um tema importante.

Para alcançar a nota máxima nessa redação é preciso estar bem informado e atualizado não somente sobre os fatos, mas também sobre a ciência, as evoluções no campo da saúde, pesquisas e meio ambiente. É preciso se situar no mundo em todos os aspectos. 

Ler jornais, revistas impressas e os grandes portais de notícias na web, assistir aos telejornais, vai te ajudar a criar uma base para os possíveis temas da redação do Enem. Assim, você criará um texto muito mais rico e bem mais articulado.

Dica #3: Ler é essencial

Praticar não é o suficiente se você deseja fazer uma redação nota 1000 no Enem. A leitura é outro grande segredo para se alcançar a nota máxima, uma vez que ela tem sido uma constante entre os candidatos que conseguiram essa façanha.

Ler é essencial. Todos sabem disso, porém, a maioria não tem o hábito de ler constantemente. São inúmeros os benefícios da leitura constante.

Através da leitura você fica atualizado sobre o que acontece no mundo e, assim, vai poder desenvolver sua redação com muito mais facilidade, clareza e objetividade. 

Quem lê com frequência, também, têm um repertório de vocábulos muito mais avançado do que aqueles que não possuem esse hábito e por isso podem selecionar o melhor termo para manifestar no papel as suas ideias.

Dica #4: Aproveite os textos motivadores

Além do tema, o Exame Nacional do Ensino Médio também propõe quatro textos, chamados de textos motivadores, que abordam o tema. 

Os textos motivadores fornecem base para que você possa discutir o assunto mesmo sem um conhecimento prévio. Além disso, eles mostram qual a direção que a banca espera que seja seguida. 

Através da identificação das palavras chaves de cada texto você poderá descobrir como a redação deverá ser feita e qual será a tese que você vai defender na dissertação.

Sabendo manipular bem os dados, você conseguirá os textos motivadores para produzir uma excelente redação. 

Dica #6: Organize as ideias

Organizar as ideias dentro da dissertação pode ser a maior dificuldade dos candidatos. Muitos têm boas ideias e argumentos claros, porém, não são capazes de organizá-los numa sequência lógica. Por isso, embora não fujam do tema, suas redações apresentam um vocabulário repetitivo e sem um progressão discursiva no texto.

Para produzir uma redação excelente, nota mil, você precisa aprender distinguir os argumentos de maior relevância daqueles de menor relevância, aqueles que não precisam ser incluídos no texto. 

Não caia no erro comum de pensar que quanto mais informações forem jogadas no texto, maior será a nota. É muito mais viável explorar poucos argumentos da melhor maneira possível, em vez de utilizar tantas ideias vagas.

Em um outro post publicado aqui neste blog eu escrevi que "para se redigir o texto ideal é preciso refletir sobre as informações, pensar, amadurecer e aprovisionar ideias relevantes em defesa de um ponto de vista. 

É necessário relacionar tópicos a serem explorados e roteirizar os pensamentos, não pela cabeça do autor, mas pela cabeça do leitor, através de um bom plano de redação. 

Esse plano de redação é de suma importância e deve ser elaborado previamente, projetando, assim, as ideias principais, a lógica que deverá ser seguida do começo ao final do texto.

Dica #6: Enriqueça o texto

Aumente o nível intelectual da sua redação, enriquecendo-a com citações, tais como trechos de livros, filmes e até canções.

A redação é um espaço interdisciplinar. Nela, todos os saberes podem ser aproveitados e mobilizados. 

Lucas Almeida Francisco, 17 anos, que ficou entre o seleto grupo de 250 candidatos que obtiveram a nota mil na redação do Enem 2014, disse "que o hábito de escrever e ler e a citação do sociólogo Pierre Félix Bordieu e do filósofo Michel Focoult, para fundamentar a argumentação, foram decisivos para o resultado" (G1).

Lucas ainda revela uma dica importantíssima. Ele diz que se deve ler sobre tudo e não somente sobre atualidades, pois na hora de escrever você vai aproveitar as informações que lhe marcaram.

Dica #7: Domine as 5 competências da redação

Um dos maiores segredos da redação do Enem é, sem dúvida, o domínio das cinco competências da redação. Para um texto ganhar nota máxima, ele precisa cumprir bem essas cinco competências exigidas pelo MEC. Cada competência tem cinco faixas que vão de 0 a 200 pontos:

  • Competência 1: Demonstrar domínio da norma padrão da língua escrita.
  • Competência 2: Compreender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.
  • Competência 3: Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.
  • Competência 4: Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários à construção da argumentação.
  • Competência 5: Elaborar proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.
Redação FácilEsses sete passos simples são a base para você começar a se preparar para a redação do Enem e buscar a nota mil. Você também pode encurtar um bom caminho fazendo um excelente curso de redação, que ensina técnicas comprovadas para produzir uma redação de sucesso. Clique aqui para conhecer mais sobre o método Redação Fácil 2.0, do Professor Matheus Gustavo. Boa sorte e sucesso. 

Como se preparar para a prova de redação em concursos

Neste artigo quero trazer dicas, ou seja, sugerir maneiras de você se preparar para a prova de redação e, assim, poder melhorar o seu texto para conseguir uma ótima nota e o mais importante, ser aprovado no Enem ou em outro concurso qualquer.

É imprescindível que você comece a praticar redação bem antes do dia da prova. Como ela é uma das áreas de maior importância no teste, um bom aproveitamento na média final está diretamente relacionado com uma boa nota na redação.

Em primeiro lugar, você precisa dominar determinados tópicos gramaticais, que são essenciais a uma redação de qualidade. Na verdade você precisa ter total domínio da norma culta. Não se descuide da concordância verbal e nominal, o emprego de conjunções, regência, crase e pontuação. Para a banca examinadora, escrever bem é fazer um texto claro, objetivo e direto.

Outro ponto de relevante importância é conhecer as técnicas de redação para concursos, que compreende a construção da introdução, do desenvolvimento e da conclusão. Você não deve se esquecer que essas três partes da redação devem obrigatoriamente formar um texto claro, coeso e bem objetivo.

A facilidade em produzir uma boa redação você só vai conseguir com o treino. Treinar redação é fundamental! Se você quer escrever excelentes redações é imprescindível começar a ler e passar para o papel o que entendeu de cada parágrafo. Também, é ideal encontrar alguém para corrigir sua redação para ir detectando e eliminando os erros.

O texto dissertativo argumentativo, que versa sobre temas da atualidade, é o tipo de redação mais exigido nos maiores concursos do país. Outro formato bastante pedido também é o texto dissertativo expositivo, que trata de temas de áreas específicas do concurso.

Como preparar-se bem para a redação em concursos? Confira algumas dicas importantes



1. Leia bastante e sobre tudo. É importante estar atualizado, por isso, o ideal é ler jornais, revistas e informativos dos órgãos para onde fará o concurso. A leitura aprimora o seu vocabulário, amplia o repertório de temas e argumentos e, também, traz familiaridade com modos corretos de organizar as ideias.

Segundo Nelly Carvalho "É recomendável ao candidato ler, ler muito, atualizar-se, conhecer o mundo, sua realidade mais próxima, aspirações, limitações...." O candidato que lê bastante, que tem contato com muitos gêneros textuais, com várias leituras de variadas naturezas, tem mais facilidade em expressar suas ideias. Ele constrói seu ponto de vista, sua forma de ver e perceber a realidade de maneira mais linear.

2. Entenda a proposta e argumente sobre ela: Para escrever uma boa redação, você tem que compreender o que está sendo pedido, levantar uma tese e defendê-la com argumentos sólidos e coerentes. Isso exige do candidato capacidade para interpretar, refletir, organizar ideias e concluir um pensamento. 

3. Treine muito. Para aprender redigir bem você precisa escrever bastante. Porém, não adianta se você comete os mesmos erros em todas elas. Por isso, peça ajuda a um Professor de Língua Portuguesa, ou a alguém com conhecimento na área para fazer a correção e apontar os erros.

4. Deixe o computador de lado e escreva à mão. Além de você aprimorar sua caligrafia, aprimora também a capacidade de identificar seus erros, sem o corretor ortográfico automático.

5. Coloque-se no lugar do leitor e pergunte se o que você escreveu é interessante e de fácil entendimento.

http://hotmart.net.br/show.html?a=M2781000OPara preparar-se melhor, você ainda pode recorrer ao Curso Redação Fácil 2.0 que o Professor Matheus Gustavo oferece por um preço muito abaixo do seu real valor. Prático e completo, esse programa de ensino apresenta um conteúdo atual e fácil de ser assimilado. 

Como produzir uma redação de um jeito simples, fácil e descomplicado, técnicas para iniciar, desenvolver e concluir uma redação, são apenas alguns dos temas estudados. Além disso, você também recebe uma série de bônus de alto valor (clique aqui para conhecer os bônus), que vão colaborar de forma direta para o desenvolvimento da sua escrita.


Diante do rigor na correção das provas, você precisa se preparar da melhor maneira possível. 

Prepare-se e boa sorte!